Dólar
Euro
Dólar
Euro
Dólar
Euro

SAÚDE PÚBLICA

Planejamento Familiar: programa "Nossa Família" completa cinco anos em Guarapuava

Hoje, município está abaixo da média nacional no índice de gravidez não planejada

(Foto: Ilustrativa/Pexels)
(Foto: Ilustrativa/Pexels)

O Programa Nossa Família Guarapuava, iniciativa pioneira da Secretaria Municipal de Saúde, celebra neste mês de junho cinco anos de sucesso no combate à gravidez não planejada. Com mais de 3.600 mulheres atendidas, o programa se destaca por oferecer 11 diferentes métodos contraceptivos modernos, incluindo os LARCs (métodos reversíveis de longa duração), como implantes e DIUs.

"O Nossa Família Guarapuava inovou os protocolos de planejamento familiar em nossa cidade, oferecendo métodos contraceptivos seguros e eficazes para mulheres que mais precisam", afirma Chayane Andrade Ceroni, secretária de Saúde de Guarapuava. "Acreditamos que o planejamento familiar é uma questão de saúde, dignidade e empoderamento, permitindo que as mulheres conquistem seus sonhos e planejem seu futuro", completa.

Impacto na saúde pública

O programa tem apresentado resultados significativos na redução da gravidez não planejada, principalmente na adolescência, e na melhoria da saúde pública municipal. "Observamos uma diminuição nos índices de gravidez indesejada e nas complicações relacionadas à gestação e ao parto. Isso se traduz em mais qualidade de vida para as mulheres e suas famílias, além de economia para o sistema de saúde", detalha Chayane.

Vulnerabilidade social e empoderamento

O Nossa Família Guarapuava prioriza o atendimento a mulheres em situação de vulnerabilidade social, incluindo adolescentes, mulheres com histórico de gestações de risco, portadoras de HIV, entre outras. "O programa oferece não apenas métodos contraceptivos, mas também acompanhamento médico e apoio para que essas mulheres possam tomar decisões informadas sobre sua saúde reprodutiva", sublinha a secretária.

Em evento de divulgação desses resultados, na última quinta-feira (13), a secretária de Saúde aproveitou a oportunidade para agradecer a todos os envolvidos no sucesso do programa: "Agradecemos ao prefeito Celso Góes, que na época era secretário de Saúde e idealizador do programa, ao ex-prefeito César Silvestri Filho, que apoiou a iniciativa, à equipe do Departamento de Atenção à Saúde da Mulher e da Criança, e aos profissionais da Atenção Primária que atuam na linha de frente do programa", discorreu

Resultados

Um dos principais indicadores é a redução significativa na taxa de gravidez na adolescência, que caiu de 15,85% em 2019 para 12,28% em 2023. Essa queda representa uma diminuição de 151 partos em adolescentes.

Outro resultado expressivo é a redução da gravidez não planejada em Guarapuava. Atualmente, a taxa no Município é de 55,5%, enquanto a média nacional é de 62%

"Essa diferença demonstra a efetividade do programa em oferecer acesso a métodos contraceptivos modernos e acompanhamento médico adequado, permitindo que as mulheres planejem suas gestações e tomem decisões conscientes sobre sua saúde reprodutiva", reforça Chayane Andrade.

Além dos benefícios sociais e de saúde, o programa também gerou um impacto financeiro positivo para Guarapuava. Ao longo de 60 meses, a economia estimada com a prevenção de gestações de baixo risco e o uso dos LARCs é de R$ 13.564.574,00. Esses recursos podem ser investidos em outras áreas da saúde e em políticas públicas que beneficiem a população.

Comentários

Leia estas Notícias

Acesse sua conta
ou cadastre-se grátis